Blog do Linhares

Eleições 2022

Presidente do Senado diz ser possível admitir voto impresso

Rodrigo Pacheco afirma que, se houver viabilidade técnica e operacional, é possível admitir voto impresso e não se opõe a mudança no sistema eleitoral

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), afirmou nesta segunda-feira (14), em transmissão ao vivo pelo “Casa do Jota”, que não se opõe a uma mudança no sistema eleitoral que possibilite a realização do voto impresso auditável nas eleições de 2022.

“Não enxergo e não acredito em vulnerabilidade do sistema eleitoral. Mas a sustentação sobre eventual vulnerabilidade precisa ser respeitada e precisa ser ouvida. O fato de eu não acreditar não significa que não exista. Obviamente temos que aferir isso, que apurar isso e permitir o debate […] Eu tenho permitido plenamente esse debate sobre o voto impresso auditável. É uma discussão que faremos com o TSE, com o presidente da Câmara. Se houver viabilidade técnica e operacional para uma implantação dessa natureza, que dê maior confiabilidade ao sistema de escolha de candidatos, é perfeitamente possível nós admitirmos”, afirmou.

O presidente do Congresso destacou, ainda, que, se for o caso, o voto impresso pode ser implementado, “até para dissiparmos qualquer tipo de dúvida em relação à higidez do processo eleitoral brasileiro”.

MV Shandong da Zhi

Mais um tripulante testa positivo para o novo coronavírus

Embarcação segue ancorada a 50km da costa maranhense e pessoas que estavam a bordo no navio serão submetidos a mais um período de quarentena

Mais um tripulante do navio MV Shandong da Zhi testa positivo para a Covid-19 e embarcação segue em quarentena a 50km da costa maranhense.

A embarcação registrou os primeiros casos da variante indiana da Covid-19 no Maranhão e, após recente testagem positivo, as demais pessoas que estavam a bordo serão submetidas a mais um período de quarentena no navio. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) nformu que o tripulante está isolado em uma cabine da embarcação e não há, ainda, confirmação sobre o tipo de variante que o contaminou.

O tripulante que testou positivo com a cepa indiana no mês passado continua internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em hospital da rede privada na capital do Estado, cujo quadro de saúde se encontra estável. Em entrevista, o governador do Estado do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), confirmou não haver transmissão local da variante indiana da Covid-19 no Maranhão.

Ao todo, 147 pessoas que tiveram contato com a cepa testaram negativo.

Burocracia Argentina

Respiradores doados por Messi estão abandonados há meses

Mais de 30 equipamentos de ventilação respiratória chegaram ao país em agosto do ano passado, mas ainda não foram aprovados pela ANMAT

Respiradores concedidos pelo jogador de futebol argentino, Lionel Messi, estão abandonados há 10 meses em um depósito do aeroporto internacional da cidade de Rosário, na Argentina, por falta de autorização do órgão regulador.

Fornecidos pela Fundação Messi, os 32 respiradores fornecidos ainda não foram liberados por falta de permissão da Administração Nacional de Medicamentos, Alimentos e Tecnologia Médica (ANMAT) da Argentina porque, segundo informações, “trâmites alfandegários não podem ser concluídos até que os papéis sejam apresentados”.

Os equipamentos chegaram ao aeroporto das Maldivas em um voo privado de Barcelona custeado pela própria Fundação do futebolista argentino. A finalidade do atleta era distribuir nas diversas clínicas e hospitais da cidade de Rosário. No entanto, qualquer equipamento médico que que chega do exterior ao país argentino precisa da permissão do órgão regulador estatal.

A Fundação Messi ainda visa enviar mais 18 ventiladores para os hospitais de Rosário, mas o encaminhamento foi adiado até que seja resolvida a homologação e entrada do primeiro lote com 32 ventiladores. O problema da homologação dos equipamentos causa estranheza, pois a Fundação já havia encaminhado ventiladores ao Brasil anteriormente durante a pandemia e haviam sido autorizados sem problemas pela ANMAT.

O auxílio do atleta no combate a pandemia ocorreu além da Argentina. Em março do ano passado, Lionel Messi forneceu dinheiro e equipamento respiratório para o Hospital Clinic de Barcelona, capital cosmopolita da região da Catalunha na Espanha.

CPI da Pandemia

STF mantêm quebras de sigilo de Araújo, Mayra e Pazuello

Supremo Tribunal Federal recebeu mandados de segurança questionando as quebras de sigilo determinadas na última quinta-feira (10) pela CPI da Covid

Os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski e Alexandre de Moraes, decidiram manter as quebras de sigilo dos ex-ministros da Saúde, Eduardo Pazuello, da secretária do Ministério da Saúde, Mayra Pinheiro, e das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, neste sábado (12).

O ministro Ricardo Lewandowski negou os pedidos de Mayra Isabel e de Pazuello, destacando que os “dados e informações” da quebra de sigilo devem permanecer reservados rigorosamente e o Brasil enfrenta uma calamidade pública sem precedentes por conta da pandemia do novo coronavírus.

“Diante disso, mostram-se legítimas medidas de investigação tomadas por pela Comissão Parlamentar de Inquérito em curso, que tem por fim justamente apurar eventuais falhas e responsabilidades de autoridades públicas ou, até mesmo, de particulares, por ações ou omissões no enfrentamento dessa preocupante crise sanitária, aparentemente ainda longe de terminar”, afirmou o ministro.

Já o responsável por julgar a solicitação de mandado de segurança feito por Ernesto Araújo, ministro Alexandre de Moraes, ressaltou que a Comissão Parlamentar de Inquérito deve “equilibrar os interesses investigatórios pleiteados – eventuais condutas comissivas e omissivas do Poder Público que possam ter acarretado o agravamento da terrível pandemia–, certamente de grande interesse público, com as garantias constitucionalmente consagradas, preservando a segurança jurídica e utilizando-se dos meios jurídicos mais razoáveis e práticos em busca de resultados satisfatórios, garantindo a plena efetividade da justiça, sob pena de desviar-se de sua finalidade constitucional”.

Moraes justificou, ainda, em sua decisão que os direitos e garantias individuais não podem servir de argumento para afastar ou diminuir a responsabilidade civil, penal ou política, indeferindo pedido do ministro de Relações Exteriores e mantendo quebras de sigilo.

Eleições 2022

Atos pró-Bolsonaro deixam oposição sob estado de alerta

Tamanho das manifestações em São Paulo surpreende mais uma vez os adversários do presidente da República e gera discussões nos bastidores

Atos em favor do presidente da República, Jair Bolsonaro, neste sábado (12), organizados há pouco mais de um mês, ganharam muita visibilidade, foram manchete na imprensa e preocupam oposição.

O ex-presidente Lula, por exemplo, rapidamente reagiu à grande adesão das manifestações pró-governo. “Ele junta os milicianos dele, muita gente não tem máscara, e parece que faz de provocação. É um problema da responsabilidade dele e eu não vou agir desse jeito”, criticou o petista, ignorando os atos da esquerda na Avenida Paulista ocorridos no mês anterior.

Inicialmente, o “Acelera Para Cristo” aconteceria sem a presença do presidente. No entanto, após Bolsonaro anunciar presença no evento, o número de pessoas comparecendo no local não parava de aumentar. Por conta disso, o percurso programado foi estendido devido ao grande número de motociclistas que surpreenderam a todos, inclusive aliados do presidente.

Além dos partidos de esquerda, a adesão ao atos preocuparam ainda mais o governador João Dória (PSDB). Desejando ser candidato em 2022 como um nome viável entre a polarização da esquerda contra a direita, o governador já pensa em abrir total caminho para o PT no combate a uma possível vitória do presidente Bolsonaro logo no 1º turno.

Recurso Parlamentar

Hildo Rocha garante cheque para transporte de universitários

Deputado assegura recurso de 200 mil reais para aquisição de ônibus com objetivo de auxiliar trajeto de universitários de Itinga até a cidade de Imperatriz

Deputado federal, Hildo Rocha (MDB), garante cheque com recurso de 200 mil reais para aquisição de transporte cujo objetivo visa auxiliar trajeto diário dos universitários de Itinga que necessitam se deslocar até a cidade de Imperatriz.

O ato aconteceu durante evento promovido pelo prefeito Lúcio Flávio, contando com a presença de vereadores, secretários e demais membros da equipe da gestão municipal. Na oportunidade, o parlamentar da Câmara dos Deputados ressaltou que o benefício decorre de iniciativa do vereador Rubens Paulo (Rubinho), que tinha finalidade de diminuir os custos dos estudantes, assim como proporcionar conforto e segurança.

“Esse era um compromisso que foi gerado a partir de um pedido do vereador Rubinho. Hoje, tenho a satisfação de fazer a entrega simbólica desse cheque para que o prefeito Lúcio possa realizar esse sonho dos estudantes do ensino superior do Itinga que estudam na cidade de Imperatriz. Portanto, em breve essas pessoas passarão a dispor de um meio de transporte exclusivo e assim, irão diminuir as despesas e serão transportados com mais conforto e segurança”, afirmou Hildo Rocha.

O prefeito de Itinga do Maranhão, Lúcio Flávio, comemorou a aquisição do transporte e destacou que era uma grande necessidade dos universitários do município. “Eu tenho certeza que eles irão fazer bom uso desse ônibus porque a necessidade é grande, é uma demanda antiga que teremos a satisfação de atender em poucos dias. Esses estudantes merecem porque não é fácil ter que se deslocar todos os dias pagando passagem. A nossa gratidão é imensa e nós queremos que no dia da entrega o deputado Hildo Rocha esteja presente para que juntos possamos comemorar essa valiosa conquista que foi alcançada graças ao apoio desse parlamentar trabalhador e eficiente”, afirmou Lúcio Flávio.

O vereador Rubens Paulo (Rubinho) salientou que o benefício viabilizado por Hildo Rocha vai acabar com as dificuldades dos alunos universitários de Itinga. “Agradeço ao deputado Hildo Rocha por esse benefício proporcionado aos estudantes de Itinga. Em breve as dificuldades deixarão de existir e eles passarão a se locomover até Imperatriz com mais conforto, segurança, economia e tranquilidade”, assegurou Rubens Paulo.

Jamel Daher, vice-prefeito de Itinga do Maranhão, enfatizou que o recurso era algo que os jovens não só desejavam, mas, também, mereciam há muito tempo.

Imunização

Três milhões de doses da vacina Janssen chegam ao Brasil

Ministério da Saúde anunciou que os imunizantes chegam nesta terça-feira (15) e, em 48 horas, devem ser distribuídas nas capitais por conta da logística

O Ministério da Saúde, através do titular da pasta, Marcelo Queiroga, anunciou que a agência reguladora de medicamentos dos Estados Unidos aprovou neste sábado (12) o encaminhamento de 3 milhões de doses da vacina Janssen, da Johnson & Johnson, ao Brasil.

Embora a vacina Janssen seja aplicada em dose única, o prazo de validade do imunizante aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) é de três meses e têm validade até o dia 27 de junho, podendo ser ampliado até o dia 8 de agosto caso seja postergado pela Anvisa. De acordo com Marcelo Queiroga, ainda houve um desconto de 25% no valor das vacinas, o pagamento ocorrerá apenas pelas doses, realmente, aplicadas, e, a vacina assegura 85% de segurança em casos graves do novo coronavírus.

O Ministério da Saúde divulgou que os imunizantes chegam nesta terça-feira (15) e, em 48 horas, isto é, a partir da quinta-feira, devem ser distribuídas nas capitais por conta da logística.

Flávio Dino abandona vacinação no interior por inveja de adversário

Auxílio Emergencial

Justiça suspende pagamento com verba federal a músicos

Pagamento seria realizado pela Prefeitura de Coroatá a músicos do município em forma de auxílio emergencial devido a pandemia do novo coronavírus

A Justiça da Comarca de Coroatá, através da magistrada Anelise Nogueira Reginato, suspendeu o pagamento de R$ 461,5 mil, na noite desta quinta-feira (10), a músicos da cidade.

O pagamento seria realizado pela Prefeitura de Coroatá a músicos do município em forma de auxílio emergencial mediante a pandemia da Covid-19, porém, devido as irregularidades no processo de rateio da verba federal, um grupo de artistas protocolou ação solicitando o não pagamento.

“Por se tratar de rateio de verba pública, cuja recuperação pode se tornar extremamente difícil caso haja o repasse aos beneficiários, entendo que é prudente suspender o pagamento até que os réus apresentem contestação”, destacou a juíza Anelise Nogueira Reginato ao deferir o pedido dos artistas.

Apesar de não ter analisado o mérito da questão, a magistrada Anelise Nogueira Reginato estabeleceu pela suspensão do pagamento até a Prefeitura esclarecer sobre as denúncias de irregularidades e detalhamento dos favorecidos dos recursos.

Concurso Público

Aprovados em concurso são convocados pela Câmara da capital

Informações são adquiridas de segunda a sexta-feira, junto a Presidência da Comissão do Concurso, por telefone: (98) 98126 8276, horário das 8h às 14h

Nesta quinta-feira (10), a Câmara Municipal de São Luís convocou 31 candidatos aprovados em concurso público para provimento de cargos administrativos realizados em 2019.

Esta é a quarta lista de convocação divulgada pela Casa Legislativa, cujos cargos convocados nesta chamada estão: Administrador (1), Analista de Informática – Legislativo (2), Analista Legislativo (3), Assistente Administrativo (10), Assistente Social (1), Historiador (1), Jornalista (1), Técnico em Assessoramento Legislativo (7), Técnico em Comunicação Social – Divulgação Institucional (1), Técnico em Comunicação Social – Repórter Fotográfico (1), Técnico em Informática (2) e Procurador (1).

Segundo o edital, o certame tem validade de dois anos e pode ser postergado por igual período. Os candidatos devem comparecer, inicialmente, à Perícia Médica da capital, entre os dias 29 de junho e 02 de julho. Após isso, devem comparecer no Setor de Recursos Humanos da Câmara entre os dias 30 de junho e 05 de julho com toda documentação exigida conforme especificado pelo edital.

Lama Jornalística

Agência Estadão Verifica: prisão de esposa de Omar Aziz “está fora de contexto”

Agência de censura do Estadão diz que falar da prisão da esposa de Omar Aziz é “conteúdo desinformativo” (sic) porque o processo está suspenso até decisão de competência. SÉRIO

As agências de checagem de fatos têm dado, mesmo sem saber, uma contribuição inestimável ao jornalismo profissional: provar definitivamente que a busca pela notícia é uma atividade morta na imprensa jeca nacional.

Agindo como verdadeiros campos de reeducação virtual, os checadores exigem que você baseie suas opiniões nas visões que eles têm da realidade. Como já ficou claro que o principal alvo da mídia brasileira é derrubar o presidente que fechou a torneirinha, todas as suas notas de verificação viraram uma chacota inesgotável.

Depois de corrigir o número de processos de Renan Calheiros, convertido em novo queridinho da mídia (onde o desespero nos leva), com o magnífico título “Postagem exagera número de inquéritos contra Renan Calheiros no STF”, a nossa trupe de auditores da notícia quis se superar.

“Para atacar CPI, postagens destacam prisão de esposa de Omar Aziz em 2019” é o título-bomba da vez. Segundo o Estadão Verifica: “A parlamentar foi presa temporariamente duas vezes, por um período total de cinco dias, no âmbito de uma força-tarefa que investigava desvios de recursos públicos na saúde do Estado.”

Essa notícia estaria “fora de contexto” porque, apesar de ser investigada junto com Aziz num esquema de desvio de R$ 260 milhões de verbas da saúde, a postagem tem como foco atacar a CPI.

Veja bem. Não se pode questionar a honestidade de gente que está fazendo esse santo trabalho de usar uma CPI para tentar lucrar politicamente e ajudar os interesses de todos aqueles que sempre se serviram do inchaço estatal para se dar bem.

Nesse sentido, o Estadão tem seus motivos.

Covid-19

Flávio Dino oferece mingau de milho em vacinação

Governador do Maranhão divulgou que imunização contará com músicas de festa junina e mingau de milho durante “Arraial de Vacinação”

Nesta quinta-feira (10), o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), divulgou que o “Arraial de Vacinação” tem como público alvo pessoas com 29 anos de idade ou mais, o espaço contará com músicas de festas juninas e entrega de mingau de milho.

Além disso, anunciou que, a partir desta sexta-feira (11), o município de Alcântara irá imunizar o público com 18 anos ou mais, assim como ocorrerá vacinação em Timon a partir de sábado.