Linhares Jr.

Na cara-dura

OMS mente ao dizer que “nunca advogou por lockdown nacional”

Entidade globalista que ERROU TUDO sobre a peste chinesa mente descaradamente de novo e agências de suposto “fact-checking” se calam

Sim, meu caro leitor. A OMS mentiu. Mentiu bastante. Errou muito. E agora, quando o mundo contabiliza toda a desgraça de ter seguido suas orientações, tenta tirar o corpo fora.

A mentira da OMS foi manchete até na Veja: “‘Nunca advogamos por lockdown nacional’, diz OMS”.


Este é o problema de ter a China como cúmplice: para o Partido Comunista Chinês é fácil moldar o passado ao seu gosto e sumir com conteúdo da internet. Ocorre que isto só é possível dentro da China. Em grande parte do Ocidente, a mentira ainda pode ser desmascarada.

O Projeto Comprova – que em maio classificou como “desinformação” reportagem de um blog de direita que trazia exatamente a mesma informação que diversos órgãos da grande mídia publicaram esta semana – até o momento não fez nenhum textão.

Pela segunda vez

Duarte Jr suspeito de promover baixaria nas eleições

Pela segunda vez o nome do deputado Duarte Jr é ligado a campanhas de difamação e fake news na internet. Em março deste ano, assessores dele foram denunciados por Wellington do Curso.
Continuar lendo
Humor

Prioridades comunistas

Egoísmo

Fábio Porchat se manifesta contra crianças e família

Humorista disse que “ter filho é um inferno” porque responsabilidade pode atrapalhar suas conquistas pessoais
Continuar lendo
Tweet

Artigo

Uma experiência que falhou: Os lockdowns têm que acabar

Embora os custos econômicos e sociais tenham sido enormes, não está claro se os bloqueios trouxeram benefícios de saúde significativos

Os lockdowns normalmente são retratados como precauções prudentes contra a Covid-19, mas certamente são o experimento mais arriscado já conduzido com o público. Desde o início, os pesquisadores alertaram que os lockdowns podem ser muito mais mortíferos do que o coronavírus. Pessoas que perdem seus empregos ou negócios são mais propensas a ter overdoses fatais e suicídio, e já há evidências de que muitos mais morrerão de câncer, doenças cardíacas, pneumonia e tuberculose e outras doenças porque o bloqueio impediu que suas doenças fossem diagnosticadas precocemente e tratadas da forma correta.

Continuar lendo
Eleições 2020

Silvio Antônio denuncia “conspiração” contra sua candidatura

Pastor Silvio Antônio afirma que todos os demais candidatos temem sua candidatura e se voltaram contra ele para derrubá-lo

O candidato Pastor Silvio Antônio fez a opção definitiva pela caricatura nas eleições. Em live divulgada nas redes sociais, o candidato do PRTB afirmou que é vítima de uma “conspiração” promovida por institutos de pesquisa e demais candidatos.

Silvio Antônio disputa pela primeira vez um cargo no executivo e afirmou em live que aparece apenas com 1% nas intenções de voto por estar sendo retirado das pesquisas.

O candidato ainda disse que está enfrentando todos os demais candidatos. “São todos contra um”, disse.

Silvio Antônio, que se identifica como representante da direta em São Luís, citou raramente o presidente Jair Bolsonaro durante a última Sabatina de O Estado/Imirante e foi ameno nas críticas ao comunismo no Maranhão.

Ao que tudo indica, ao invés de optar pela defesa de valores, do ataque ao comunismo e defesa do legado Jair Bolsonaro, Silvio Antônio faz a opção pela fantasia.

Imperatriz

Violência de gênero são abordados em reunião do MPMA

O Ministério Público do Maranhão, por meio da 8ª Promotoria de Justiça Especializada em Defesa da Mulher de Imperatriz, promoveu nesta quinta-feira, 8, uma reunião on- line para tratar do tema “Violência de gênero e o papel da imprensa”.

Coordenado pela promotora de justiça Alline Pires Ferreira, titular da Promotoria, o evento teve como convidados a juíza Ana Paula Silva Araújo, titular da Vara Especial de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher; e os defensores públicos André de Oliveira Almeida, que atua na defesa da vítima da violência doméstica e familiar, e Fábio Souza de Carvalho, da área da infância e juventude.

Também participaram do encontro virtual servidores do Ministério Público e jornalistas.

Ao iniciar a reunião, a promotora de justiça destacou a importância do papel da imprensa na formação da opinião pública para o enfrentamento da violência de gênero, notadamente do feminicídio. “Informar, trazendo visibilidade ao problema, mas de uma maneira acertada e ética, comprometida com a complexidade do fenômeno, entendendo suas especificidades e sua verdadeira raiz”, indicou.

A representante do Ministério Público apontou que a própria Lei Maria da Penha sugere como forma de prevenção à violência doméstica a adoção de medidas integradas, reunindo diversos atores sociais, entre instituições públicas e entes sociais, como a imprensa.

Para Alline Pires Ferreira, a violência de gênero está diretamente relacionada com a questão da desigualdade entre homens e mulheres. “Em qualquer lugar do mundo, quanto maior a violência de gênero maior é a desigualdade de gênero. Portanto, se eu quiser resolver a questão da violência de gênero, preciso resolver a questão da igualdade”, defendeu.

Foram discutidos, ainda, dados estatísticos sobre o feminicídio no Maranhão, bem como a abordagem da imprensa acerca da violência de gênero.

Também foram abordados pelos representantes do Judiciário e da Defensoria Pública temas como as medidas protetivas e os cuidados que os meios de comunicação devem adotar para preservar as mulheres vítimas de violência doméstica e do feminicídio.

Eleições 2020

O tempo de propaganda na TV de cada candidato em São Luís

Neto Evangelista terá maior tempo. Três candidatos, inclusive o represente de Bolsonaro, ficarão fora da propaganda da TV.
Continuar lendo
Como assim?

“Robôs de Bolsonaro” se revoltam contra presidente

Indicação de Kássio Nunes para o STF revoltou militância conservadora que não poupou ataques a Bolsonaro

A tese de que militância conservadora nas redes sociais é formada por robôs foi completamente implodida após indicação de Kássio Nunes ao Supremo Tribunal Federal (STF). Milhares de mensagens criticaram a decisão do presidente ao indicar Kássio ao cargo comprovaram que a influência de Bolsonaro não é absoluta.

Além de perfis anônimos, dezenas de influenciadores, já conhecidos do grande público, se manifestaram contra a decisão de Bolsonaro.

Os mais comedidos, mesmo incomodados com a indicação, pediram paciência e preferem esperar pela atuação do novo ministro.

Não é a primeira vez que decisões do presidente Jair Bolsonaro causam revolta entre seus apoiadores deixando a tese dos “robôs” ainda mais infundada.

Racha?

Márcio Jerry em rota de colisão com Rubens Jr

Disputa pelo posto de vice na chapa governista em 2022 seria motivo do racha entre comunistas. Clima na campanha do PCdoB em São Luís é tenso

A ausência do deputado federal Márcio Jerry (PCdoB) no debate realizado pela Band e TV UFMA pode indicar um racha na campanha do comunista Rubens Pereira Jr.

Nos últimos anos a figura de Jerry, uma espécie de eminência parda no PCdoB, era onipresente em eventos desta natureza. Além deste fato, a ausência na campanha de Rubens também é vista como indício do racha entre os dois.

Integrantes e simpatizantes confidenciaram que os dois andam em rota de colisão deste antes do pleito. A razão? O posto de vice na chapa governista em 2022.

Especula-se que uma atuação razoável de Rubens Jr possa alçá-lo ao posto de segundo nome no PCdoB, desbancando Márcio Jerry. Este seria o motivo de Rubens Jr insistir a todo custo na candidatura mesmo quando todos os números lhe são desfavoráveis. O jovem candidato estaria muito mais disposto a ascender politicamente como liderança do que em vencer a eleição propriamente.

Sabedor da estratégia, Jerry tentou impedir, sem êxito, a candidatura de Rubens Jr a prefeito de São Luís. Para apaziguar os ânimos, Jerry foi colocado em um ilustrativo cargo de “coordenador de campanha”. Ilustrativo porque é de conhecimento público o fato de Rubens Pereira, pai de Rubens Jr e tutor da carreira política do filho, ser o verdadeiro capitão da campanha.

Em 2016 Rubens Jr já havia demonstrado sua predisposição a independência após manifestar, contra a vontade de Jerry, apoio a Eduardo Braide no 2º turno das eleições em São Luís.

A origem do possível racha entre os dois teria sido instaurada naquele ano.

A assessoria do deputado federal Márcio Jerry entrou em contato com o blog e negou o desentendimento entre os dois. O deputado usou suas redes sociais para desmentir a matéria, sem negar os fatos que sustentam a indicação do racha. Em relação a ausência no debate, o secretário afirmou que estava em viagem para outro compromisso em Olho D’água das Cunhãs

Matéria atualizada às 12:08 do dia 3 de outubro.

E a fiscalização?

Desastre no Supermercado Mateus levanta debate sobre insegurança nas lojas

Em 2020 unidades do Grupo Mateus tiveram princípio de incêndio, denúncias por aglomerações durante a pandemia e desabamento de estrutura na noite desta sexta (2). Até agora autoridades silenciaram sobre providências para identificar culpados.

O desastre acontecido na noite desta sexta (2) na unidade do Supermercado Mateus no bairro Vinhais, em São Luís, levantou o debate sobre as seguranças nas instalações da empresa. Apesar do histórico de tragédias, autoridades pedem “solidariedade” ao supermercado. O desabamento de prateleiras, que resultou em vários feridos e uma morte, foi mais um entre vários acidentes envolvendo o grupo.

Em outubro de 2014 dois operários morreram em obras do supermercado Mateus no João Paulo. A obra causa, até hoje, alagamentos e prejuízos para a população que mora no entorno do supermercado. Em dezembro de 2019 um homem morreu durante construção de unidade do Mix Mateus em Paraupebas. Em janeiro de 2020 um incêndio na unidade do Renascença, em São Luís, levou pânico.

Durante a pandemia, em junho deste ano, o Grupo Mateus foi multado após grande mobilização popular por promover colocar a vida de seus clientes em risco. A falta de demarcação de filas e o descontrole na entrada de pessoas em lojas da rede geraram revolta em todo o Maranhão.

INSEGURANÇA TOTAL: Clientes continuavam transitando nas instalações minutos após tombamento. Na foto uma criança pequena pode ser observada no local.

Passadas horas após mais uma tragédia envolvendo o Supermercado Mateus, o grupo foi agraciado com campanhas de solidariedade, principalmente de políticos. O governador Flávio Dino (PCdoB), que já fora acusado de manobras fiscais para prejudicar a concorrência do Mateus, usou suas redes sociais de maneira efusiva. O comunista não falou, até agora, de responsabilização dos culpados ou providências enérgicas.

Vídeo que circula na internet revela que o comprometimento da estrutura que resultou na tragédia do Vinhais foi identificado antes do desabamento. Apesar disso, o funcionamento da loja prosseguiu normalmente enquanto funcionários tentavam retirar produtos para impedir, sem êxito, o tombamento que resultou na morte de uma pessoa.

O trânsito de máquinas pesadas durante o funcionamento dos supermercados foi alvo de críticas nas redes sociais. Clientes reclamaram do fato de que a reposição de estoque nas lojas do atacarejo é feito de forma a colocar em risco os clientes. Até o fechamento deste texto e após a confirmação da morte, nenhuma autoridade no estado manifestou-se no sentindo da tomada de providências para apurar a responsabilidade por mais esse acidente envolvendo o Grupo Mateus.