Jair Bolsonaro é o principal cabo eleitoral de Hélio Negão, um dos negros mais votados no país. Realidade destrói narrativa da esquerda que tenta tutelar negros com mentiras sobre representatividade

A maioria absoluta dos negros que devem ocupar vagas na Câmara Federal a partir de 2023 são de partidos considerados de “direita”. Os números evidenciam a mentira esquerdista em relação à representatividade. Aliás, o partido com a maior bancada de afrodescendentes é o PL, partido de Jair Bolsonaro.

Dos 135 deputados negros que devem assumir vaga na Câmara Federal no ano que vem, 25 são do PL. O Republicanos, partido da base do presidente, elegeu 20 deputados. O União Brasil terá 17.

O PT, partido que costuma levantar a bandeira da representatividade, ocupa o quarto lugar. São apenas 16.