Organizadores esperam aumentar número de participantes em relação a 2021, quando, de forma espontânea e sem o suporte de políticos, mais de 30 mil pessoas saíram em comboio pela capital maranhense

O ato do 7 de setembro em 2021 em São Luís surpreendeu e entrou para a história como a maior manifestação popular da história do estado. Organizadores do evento acreditam que, agora em 2022, os atos devem ser ainda maiores e reunir mais de 40 mil pessoas.

Com concentração marcada para as 8h da manhã na Avenida Daniel de La Touche, na Cohama, o terá como ponto de partida a loja da Havan. O esperado é que os participantes saiam em comboio por volta das 9h da manhã.

A motocarreata deve seguir pela avenida Daniel de La Touche, Avenida Litorânea, Avenida dos Holandeses, Avenida Marechal Castelo Branco, Ponte do São Francisco e Praça Maria Aragão.

Em 2021, o comboio se alastrou por cerca de 6 quilômetros, chegando até o Ipase. Quando os primeiros manifestantes chegaram na Praça Maria Aragão, ainda eram registradas saídas da Havan.

A motocarreata de 2021 foi considerada a maior manifestação popular espontânea da história da capital. Sem ônibus alugados, ajuda de custo ou distribuição de combustível, os manifestantes conseguiram juntar mais de 30 mil pessoas no ato.

A expectativa, neste ano, é de superar o número.