Candidato afirmou estar focado em propostas e não em debate ideológico.

O candidato ao governo do Maranhão, Lahésio Bonfim (PSC), disse em entrevista ao quadro Bastidores, da TV Mirante, que não pretende travar um debate ideológico nas eleições. Lahesio ainda afirmou que o Maranhão não pode mais esperar o enfretamento de problemas como miséria, infraestrutura e saúde pública.

“O Maranhão não pode mais esperar. Nós temos o maior projeto para este estado, então, não vamos tirar o foco do maranhense. Eles querem levar para esquerda, direita, mas não. Nosso foco é o Maranhão que tem as piores estatísticas: mais da metade da nossa população está empobrecida, mesmo sendo um dos estados mais ricos do Nordeste”, afirmou.

Segundo Lahesio, sua motivação para a disputa majoritária nas eleições deste ano é o Maranhão. Ele destacou que seus adversários preferem focar nesse debate nacional entre a esquerda e a direita, esquecendo dos maranhenses.

O ex-prefeito de São Pedro dos Crentes ainda afirmou que o maranhense tem sentido no seu dia-a-dia os efeitos de uma economia que não deslancha. O clima de insegurança alimentar no estado, bem como o preço dos combustíveis e gás de cozinha também foram abordados por Bonfim.

“Depois de décadas e décadas aparece um homem de uma cidade pequena com coragem que vem tomando conta das ruas, enchendo o povo de esperança e mostrando que já fez muito pelo estado. Nós nos sentimos mais que capacitados para fazer essa transformação que este estado tanto deseja”, pontuou.