Rodoviários estão em greve há 43 dias e 60% da frota circulava na Região Metropolitana devido a determinação da Justiça. Hoje a paralisação é total.

Diante da falta de acordo entre patrões e empregados do transporte coletivo de São Luís, nesta terça (29) a capital maranhense amanheceu sem ônibus devido a paralisação total das atividades dos rodoviários. Motoristas e cobradores reivindicam o pagamento de salários atrasados e reajuste salarial.

Mesmo com aumento da passagem em R$ 0,20 do transporte público, os empresários alegam dificuldade para cumprir os acordos que tem sido mediados pela Justiça do Trabalho. Os rodoviários já estão em greve há 43 dias e 60% da frota de ônibus estavam circulando na Região Metropolitana de São Luís durante este período. Hoje a paralisação é total.

Segundo presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviarios no Estado do Maranhao (Sttrema), Marcelo Brito, o movimento grevista segue por tempo indeterminado.