O anúncio ocorreu por meio de publicação em suas redes sociais, cujo comunicado o ex-deputado apresentou bandeiras importantes que irá defender.

O ex-secretário de Saúde do Maranhão, Ricardo Murad divulgou nessa quarta (2) que será candidato a deputado estadual nas eleições deste ano.

O anúncio ocorreu por meio de publicação em suas redes sociais, cujo comunicado o ex-deputado apresentou bandeiras importantes que irá defender.

Leia a manifestação abaixo:

“Mais saúde, UPAS e hospitais para o povo. É com imensa alegria que coloco o meu nome como pré-candidato a deputado estadual. Chegou a hora de eleger um governador e deputados que retirem do sofrimento os mais de 80% dos maranhenses que há décadas vivem à espera de dias melhores. Na Assembleia me empenharei para que o novo governo lidere um projeto revolucionário de partilha e divisão de riquezas. Iniciei esse modelo na saúde, quando fui secretário, com as Upas e hospitais de excelência, melhores que os particulares, que serviram a todos sem discriminação, pobres e ricos. Trabalhar para distribuir a riqueza – o Maranhão é um estado rico – oferecer serviços de qualidade e partilhar o que só uma pequena minoria tem acesso será o meu objetivo como deputado.

Chega de governos, como o atual, que só concentram renda. E este, envelheceu em menos de oito anos, conseguindo a proeza de piorar o que encontrou. Erradicar a fome e o desemprego para transformar o Maranhão num lugar melhor e de mais oportunidades é o meu compromisso.

Mais do que nunca precisamos ampliar o sistema de saúde, elevar a qualidade e o acesso de todos a escolas de alto desempenho e na economia garantir oportunidades de emprego, frentes de trabalho e qualificação para os milhões de maranhenses que sobrevivem em meio a um mar de dificuldades.

Também estarei ao lado das pessoas especiais, dos idosos, das mulheres, das minorias, da comunidade LGBTQIA+ e repudiarei o racismo e todas as formas de discriminação. Nossa pré-campanha vai construir um mandato participativo e inclusivo. O voto não é mercadoria, é a arma mais poderosa das pessoas e não deve ser trocado por dinheiro, cestas de alimentos, botijão de gás, milheiros de telhas, tijolos e sacos de cimento que é obrigação de um governo decente prover a quem precisa, como será, com a garça de Deus, o próximo que elegeremos no dia 2 de outubro.

Eu acredito num novo momento, na reação do povo para eleger um governador e deputados comprometidos com a mudança. Estaremos juntos trabalhando para um Maranhão justo, igualitário, próspero e com muitas oportunidades para todos”.