A Defesa Civil do Maranhão já contabiliza 1.356 famílias desabrigadas e desalojadas em todo o Estado.

O Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão (CBMMA) informou, nesta terça (18), que 31 cidades já fizeram registros de alerta ou que já realizaram levantamento dos prejuízos causados pelas chuvas intensas no Estado.

As cidades de Imperatriz, Mirador, Barra do Corda, Buriti Bravo, Formosa da Serra Negra, Fortuna, Grajaú, Jatobá, Lagoa Grande, Paraibano, Parnarama, São Luís Gonzaga, São Roberto, São Pedro da Água Branca e Vila Nova dos Martírios já decretaram situação de emergência.

Equipes dos Bombeiros com o apoio da Defesa Civil e prefeituras seguem trabalhando na retirada da famílias, entrega de alimentos, remédios e orientando para minimizar os riscos e prejuízos.