Um total de 1.180 servidores haviam decretado greve no dia anterior devido ao descumprimento de um acordo trabalhista.

Os agentes de limpeza pública de São Luís suspenderam a paralisação após reunião realizada na noite dessa segunda (24).

Com um dia de paralisação, os reflexos logo foram percebidos na cidade: calçadas cheias de sacos de lixo, acúmulo de resíduos sólidos nas ruas e avenidas e materiais vasculhados por animais em vias públicas.

A classe aguarda para que a empresa São Luís Engenharia Ambienal realize o pagamento da diferença salarial dos trabalhadores até o dia 1º de fevereiro.