Simpatizante de medidas que restringem direitos de não-vacinados, comunista contraiu vírus mesmo imunizado e pode ter infectado outras pessoas

O governador Flávio Dino anunciou que contraiu Covid-19 em suas redes sociais. A notícia foi dada às 19:26. Segundo o próprio, ele passa bem e, aparentemente, está assintomático. Flávio Dino se notabilizou nas últimas semanas pela defesa do passaporte vacinal (medida que pretende manter não-vacinados em uma espécie de lockdown para evitar o contágio). Ao contrair a Covid-19 após ser vacinado, Flávio Dino passa a ser uma prova viva de que a medida não impede o contágio.

Nos dias que antecederam o anúncio da doença, Flávio Dino cumpriu agendas políticas com a participação de centenas de pessoas. Há o risco de que tenha contraído a doença em uma destas ocasiões e transmitido em outras. Toda esta situação mesmo vacinado.