Programa do Governo Federal para jovens de baixa renda dá gratuidade em centenas de serviços, além de outras oportunidades e isenções de taxas.

Desenvolvida pelo Governo Federal, a Identidade Jovem (ID Jovem) é um documento gratuito de emissão virtual que possibilita ao jovem de baixa renda o acesso a diversos benefícios como desconto de 50% em cinemas, teatros, shows e outros eventos artístico-culturais e esportivos; duas vagas gratuitas e duas vagas com 50% de desconto no transporte interestadual, por veículo, embarcação ou comboio ferroviário na categoria convencional; e isenção do pagamento de taxa para emissão de Carteira de Identidade Estudantil.

Nesta semana, por meio do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos (MMFDH), o governo informou sobre as novas funcionalidades que o aplicativo ID Jovem passou a ter. Após atualização, o aplicativo ganhou mais 5 novas funcionalidades, oferecendo mais serviços aos jovens brasileiros.

As novas funcionalidades são: armazenamento de mais de uma carteirinha por aparelho, a inserção de foto, a geração de QR Code, a ativação de notificações e a validação da ID Jovem por empresários.

A nova versão do aplicativo oferece duas áreas, uma para o jovem e a outra para que empresários possam se cadastrar. Além de novos programas e editais lançados na ferramenta. Também há canais de denúncia como Disque 100, e a opção “fale conosco”, caso seja feita reporte de um problema diretamente para SNJ.

Para utilizar o aplicativo ID Jovem, é preciso ter entre 15 e 29 anos, com renda familiar de até dois salários mínimos e estar inscrito no Cadastro Único do Governo Federal. A pessoa não precisa ser estudante para usar os benefícios do aplicativo.