Parlamentar usou trator para restituir acesso trecho da praia do Olho D’Água que havia sido interditado criminosamente por promotor de justiça

O deputado estadual Yglésio Moyses lavou a alma de milhares de ludovicenses ao fazer o promotor de justiça, Cláudio Guimarães, ser colocado em seu devido lugar. Guimarães é conhecido pela forma autoritária com que trata empresários, trabalhadores e cidadãos. Entre outras ações truculentas, anos atrás o promotor despertou a ira da população de São Luís ao humilhar donas de bancas de resvista que foram expulsas de seus locais de trabalho após ação do promotor. Até a semana passada Guimarães era considerado “intocável”…

Após receber denúncias de que o promotor havia limitado o acesso a um trecho da praia do Olho D’Água por moradores da área, Yglésio foi até o local e protagonizou um resgate cinematográfico da área pública usurpado por Cláudio Guimarães.

Dono de uma escola de kite surf, Cláudio Guimarães simplesmente decidiu fazer valas no entorno da praia localizado na frente de seu imóvel. A ação tinha como meta “isolar a área” dos pedestres e criar um “espaço público particular”. Como resultado, Guimarães condenou moradores da área a darem grandes voltas para poder transitar pelo local.

Após discutir com o promotor, o deputado acionou um trator que fechou a vala aberta por Cláudio Guimarães e restituiu o acesso ao trecho da praia à população.

Cláudio Guimarães, sempre tão valente contra velhinhas donas de bancas de revista, não esboçou nenhuma reação enquanto o trator demolia sua “obra”.

Vale lembrar que a ação de Yglésio Deveria ter sido protagonizada pelo prefeito Eduardo Braide, a quem compete a fiscalização das áreas públicas. Mas, Braide está muito ocupado, assim como Guimarães fez com o techo da praia, em tomar o mérito da vacinação em São Luís do Governo Federal.