Comissão nacional do Democratas deliberou, com todos os votos a favor, pelo cometimento de infração disciplinar ao ex-líder da Câmara dos Deputados

A executiva nacional do Partido Democratas divulgou, nesta segunda-feira, a expulsão do ex-presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, por infração disciplinar.

Os atritos entre o deputado federal e a sigla, comandada por ACM Neto, ex-prefeito de Salvador, intensificaram nos últimos meses. O relacionamento foi arruinado após a legenda decidir apoiar Arthur Lira (PP-AL), no lugar de Baleia Rossi (MDB-SP) para a sucessão de Maia na presidência da Câmara Federal.

Em nota, o DEM forneceu mais detalhes sobre a decisão:

Após garantir o amplo direito de defesa ao parlamentar, os membros da Executiva apreciaram o voto da relatora, deputada Prof. Dorinha. A comissão nacional, à unanimidade de votos, deliberou pelo cometimento de infração disciplinar, e consequente expulsão do deputado.”