O acesso à vacina russa é limitado aos estados Bahia, Maranhão, Sergipe, Ceará, Pernambuco e Piauí, pois entraram com pedido de importação na ANVISA

Após a Anvisa aprovar a importação e distribuição da SputnikV, os governadores do Nordeste que realizaram a aquisiçao de mais de 37 milhões de doses do imunizante russo se reuniram neste sábado (5) para definir as próximas ações.

O acesso à vacina russa é limitado aos estados como Bahia, Maranhão, Sergipe, Ceará, Pernambuco e Piauí, pois entraram com pedido de importação na Agência Nacional de Vigilãncia Sanitária (ANVISA). Através de nota divulgada após a reunião, o governador do Maranhão e presidente do Consórcio da Amazônia Legal declarou:

“Nessa reunião, os governadores conversaram sobre a execução desses contratos, pela erradicação do coronavírus. E isso só é possível com vacinas”, afirmou Flávio Dino (PCdoB).