Para mudar o cenário da vacinação no estado, o governador Flávio Dino, anunciou, neste domingo (22), a contratação de técnico de enfermagem e digitadores para agilizar a vacinação contra a Covid-19, nos municípios maranhenses com mais de 50 mil habitantes.

Segundo o governador, ao todo serão contratados 573 profissionais para 191 municípios.

“Vamos contratar, no âmbito da Força Estadual de Saúde, 2 técnicos de enfermagem e 1 digitador para cada município com menos de 50.000 habitantes. Objetivo é agilizar a vacinação contra coronavírus nesses 191 municípios do Maranhão. Serão 573 profissionais mobilizados”, afirmou Flávio Dino.

Para pressionar os prefeitos a atualizarem os dados da vacinação nos municípios maranhenses, Flávio Dino já havia anunciado a suspensão do envio da vacina para as cidades que não tivessem vacinado pelo menos 60% da sua população.

Os números da vacinação no país incomodam o governador Flávio Dino. É que o Maranhão aparece entre os estados com menores índices de vacinação no país.

Até ontem, segundo mostrou o Fantástico, da Rede Globo, o Maranhão tinha vacinado apenas 3,71% da sua população. O índice é o mesmo do estado de Mato Grosso e coloca o Maranhão à frente apenas de Rondônia (3,50%) e do Pará (3,29%).

Os estados que mais vacinaram no país são Amazonas (9,17%), São Paulo (7,41%) e Distrito Federal (6,37%).