Adesão de brasileiros por impeachment de Alexandre de Moraes deve entrar para a história como a mais rápida da internet no planeta

O comentarista político Caio Coppolla criou ontem (15) um abaixo-assinado virtual para pressionar o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), a pautar o impeachment do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). Menos de um dia após a criação da peça, o documento já contava com a adesão de mais de 2 milhões de brasileiros.

O abaixo-assinado pede apuração de “robusta denúncia por crimes de responsabilidade praticados por esse ministro do STF [Alexandre de Moraes], protocolada pelo senador Jorge Kajuru [Cidadania-GO]”.

O documento também requer a  instauração da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) dos Tribunais Superiores, popularmente conhecida como “CPI da Lava Toga”, para investigar condutas, desvios operacionais e violações éticas por parte de membros do Judiciário.

A petição, que pode ser acessada neste link.