Engenheira teve participação fundamental na criação d 1ª delegacia da mulher e coordenou dezenas de projetos reconhecidos mundialmente

A engenheira Alda Marco Antônio e a advogada Karla Sarney, ambas filiadas ao PSD, realizam hoje live em que devem tratar da participação da mulher na política. Alda foi muito próxima do constituinte Ulysses Guimarães, que a incentivou a fundar a Comissão de Mulheres do MDB.

Na live, Alda irá contar um pouco de sua história e dar dicas às mulheres que pretendem entrar na política. Ela já ocupou a secretária estadual do Trabalho e a secretária do Menor, as duas no governo de São Paulo.

Na pasta que cuidava dos menores, Alda criou 14 programas de atendimento à criança de rua. Oito foram escolhidos como modelos para outros países e divulgados no exterior pelo UNICEF (a agência da ONU para a infância).

O sucesso na festão de políticas de proteção à criança e ao adolescente renderam em 1992 um convite do então presidente da República, Itamar Franco, para dirigir a Fundação Centro Brasileiro para a Infância e Adolescência. Neste período, representou o Brasil junto ao Instituto Iberamericano da Criança da OEA.

Alda Marco Antônio teve atuação foi fundamental para a criação da primeira Delegacia de Defesa da Mulher, em 1983.

O presidente estadual do PSD no Maranhão, deputado federal Edilázio Jr, festejou a realização da live. “Nosso partido e nosso grupo não trata a valorização feminina como discurso, mas como realidade. A maior política da história do Maranhão, a ex-governadora Roseana, é do nosso grupo. A Alda, uma referência nacional, faz parte do nosso partido. E temos a Karla Sarney, uma mulher que honra essa tradição de empoderamento feminino na sua carreira”, disse.

A advogada Karla Sarney será mediadora da live que pode ser assistida em seu canal no Instagram. https://www.instagram.com/karlasarney_/