O sucesso do programa Feirinha São Luís, idealizado pela gestão do prefeito Edivaldo Holanda Junior, tem contribuído com o trabalho de revitalização do Centro Histórico realizado pela Prefeitura de São Luís. O programa também é responsável por promover a valorização da cultura local e incentivar a comercialização de produtos da agricultura familiar. A primeira edição do ano, neste domingo (5), promete atrair o público com uma programação especial.

Neste sábado (4), acontece a última Feirinha do período especial, uma oportunidade a mais para quem deseja adquirir os produtos comercializados no espaço, gerando maior renda para os feirantes que participam do programa.

O secretário municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento, Ivaldo Rodrigues, destaca que a continuidade do programa deve-se ao sucesso da ação, que vem contabilizando resultados positivos desde 2017. “A Feirinha São Luís foi uma estratégia acertada do prefeito Edivaldo para movimentar ainda mais o nosso Centro Histórico. A cada edição percebemos que o programa tem cumprido o seu papel, apresentando a todos, ludovicenses e turistas, o que a nossa cidade tem de melhor”, disse o titular da Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento (Semapa), pasta da administração municipal que coordena a Feirinha.

Para celebrar a continuidade do programa em 2020, neste domingo (5) a programação cultural da primeira Feirinha do ano conta com a participação da Banda a Feirinha, do Grupo Afro Ominirá, do grupo de Capoeira Raízes, do Bumba meu boi da Maioba e da cantora Simone Mouzy. Além da programação cultural, o público tem a oportunidade de adquirir produtos agrícolas, artesanais e, ainda, saborear pratos típicos da culinária maranhense.

Ponto de encontro das famílias aos domingos, no período natalino a feirinha aconteceu também aos sábados, das 16h às 22h, na Praça Benedito Leite, para somar à programação de Natal oferecida na área do Centro Histórico da cidade. Neste sábado (4), acontece a última Feirinha do período especial, uma oportunidade a mais para quem deseja adquirir os produtos comercializados no espaço, gerando maior renda para os feirantes que participam do programa.

Desde junho 2017, quando aconteceu a primeira edição da Feirinha São Luís, cerca de um milhão e duzentas mil pessoas passaram pela Praça Benedito Leite em mais de 120 edições do evento, o que  gerou uma média de R$ 60 milhões em capital circulante, estimulando a economia local. Atualmente, 122 pessoas têm permissão para comercializar produtos na Feirinha São Luís, nos setores agroecológico, artesanato, alimentação, food trucks, além dos pregoeiros.

Reconhecimento

Em 2019, a Feirinha São Luís concorreu ao prêmio à etapa nacional do Prêmio Prefeito Empreendedor, promovido pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), colocando mais uma vez a Prefeitura de São Luís no cenário nacional. O programa, que venceu a etapa estadual, concorreu ao prêmio na categoria Inclusão Produtiva e Apoio ao Microempreendedor Individual (MEI), que premia o projeto com foco nas ações do município para contribuir para a inclusão produtiva do Microempreendedor Individual, cooperativas, associações, artesãos, agricultores familiares, etc., assegurando a aplicação do tratamento diferenciado e favorecendo o seu desenvolvimento e competitividade.