Felipe Santa Cruz pode ser afastado da OAB

O Ministério Público Federal (MPF) em Brasília denunciou à Justiça, nesta quinta-feira (19), o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz. Os procuradores solicitam o afastamento dele da presidência da OAB e de outras funções no Conselho Federal do órgão.

A acusação trata do comentário de Santa Cruz sobre a postura de Moro durante a repercussão da Operação Spoofing, deflagrada em julho deste ano.

Na ocasião, segundo a denúncia, o presidente da OAB afirmou que “[Moro] usa o cargo, aniquila a independência da Polícia Federal e ainda banca o chefe da quadrilha ao dizer que sabe das conversas de autoridades que não são investigadas”.

Os procuradores dizem que Santa Cruz praticou uma “conduta criminosa” ao fazer afirmações sem provas ou evidências, configurando “desvio ético grave”.