Ricardo Coutinho é acusado de liderar organização criminosa que roubou mais de R$ 130 milhões da população da Paraíba

A Polícia Federal (PF) está no encalço de Ricardo Coutinho (PSB) e mais 16 políticos. Ricardo é ex-governador da Paraíba e foi alvo da Operação Calvário – Juízo Final. Segundo a PF, ele é o líder de uma organização criminosa acusada de roubar recursos públicos para saúde na Paraíba. Coutinho é ligado ao ex-presidente Lula.

As investigações apontam um rombo de R$ 134,2 milhões. Os recursos foram usados para enriquecimento ilícito e nas campanhas eleitorais de 2010, 2014 e 2018.

Os investigados fraudavam procedimentos licitatórios, concurso público, superfaturamento em equipamentos, serviços e medicamentos, com objetivo inclusive d financiar suas campanhas eleitorais. Além de Coutinho, também foi presa a deputada estadual Estelizabel Bezerra de Souza e a prefeita Márcia de Figueiredo Lucena Lira. Todos são filiados ao PSB.