Atacante do Flamengo ficou constrangido ao ver governador corinthiano do Rio ajoelhado em sua frente.

Após a vitória do Flamengo por 2 a 1 sobre o River Plate pela final da Copa Libertadores, o governador Wilson Witzel, que torce para o Corinthians, teve frustrada sua tentativa de intimidade com um jogador do Flamengo.

A humilhação pública aconteceu durante a celebração do título. Enquanto os jogadores comemoravam ainda celebravam a conquista histórica quando o governador corinthiano do Rio de Janeiro ficou de joelhos na frente do artilheiro do Flamengo esperando algum tipo de afago do jogador.

O atacante ainda chegou a cumprimentar o governador, mas ao perceber a atitude, Gabriel Barbosa se desvencilhou de Witzel. O constrangimento do atacante com a intimidade forçada ficou visível.

No vídeo fica possível perceber que o atacante diz “não, não” ao governador.